INVESTIR COM A POTENZA

O cliente Potenza acessa à maior e mais diversificada plataforma de produtos do mercado financeiro sem custos e taxas de manutenção. Mas além de produtos,

serviço e proximidade são os nossos diferenciais.

Assessorar: proximidade com nosso cliente é o que garante a melhor alocação pra cada perfil e resiliência nos cenários mais complexos do mercado financeiro.

Clube de Investimentos

Grupo de investidores com interesses em comum para aplicações do Mercado de Capitais (ações). Tais grupos: familiares, amigos, aposentados, funcionários de uma mesma empresa.

RENDA FIXA

Certificado de Deposito Bancário - CDB

São títulos emitidos pelos bancos para se capitalizarem, ou seja, o investidor empresta dinheiro ao banco para financiar suas atividades de crédito, em troca de uma rentabilidade.

Certificado de Recebíveis do Agronegócio - CRA

São títulos emitidos por uma securitizadora do agronegócio, para financiar o desenvolvimento do setor agropecuário. Ativo isento de Imposto de Renda para pessoa física. 

Certificado de Recebíveis Imobiliários - CRI

São títulos emitidos por uma securitizadora para financiar o desenvolvimento do setor imobiliário. Ativo isento de Imposto de Renda para pessoa física. 

Debêntures - DEB

São títulos de dívida emitidos por uma empresa para captar recursos para financiar seus projetos. Debênture é um titulo de crédito privado, onde os debenturistas são credores da empresa que esperam uma rentabilidade.

Fundo de Investimento em Direito Creditórios - FIDC

Também conhecido como fundo de recebíveis, é um fundo de investimento que aplica em títulos de crédito, provenientes de operações comerciais, criados a partir de contas a receber e pagamentos futuros de uma empresa.

Letra Financeira - LF

Títulos emitidos por bancos, semelhantes aos CDB’s, e considerados um investimento de longo prazo com prazo mínimo de dois anos e valor inicial de aplicação de R$ 300 mil.

Títulos Públicos

São títulos emitidos pelo Tesouro Nacional para financiar as atividades do Governo Federal. Ao investir nesses títulos, o investidor compra papéis de dívidas brasileiras. Os títulos públicos possuem três tipos de remuneração: a prefixada, vinculado ao IPCA e atrelada à taxa Selic. Com liquidez diária e visão de baixo risco.

RENDA VARIÁVEL

 Conteúdo Exclusivo para nossos clientes

 Relatórios Exclusivos das melhores Casas de Análise, incluindo BTG Pactual, considerado por 8 anos o melhor research Brasil e America Latina (fonte: revista Institutional Investor);

Carteiras Recomendadas de ações 

Carteiras recomendadas de ações, para diversificação do portfolio do cliente e seguindo a recomendação das maiores casas de análises do país

Ações

São papéis que equivalem a uma parte do capital social de uma empresa que é negociada no mercado. Ao comprar uma ação o investidor se torna sócio da empresa passando a ter lucros e prejuízos. Investimento com visão de longo prazo.

Clube de Investimentos

Grupo de investidores com interesses em comum para aplicações do Mercado de Capitais (ações). Tais grupos: familiares, amigos, aposentados, funcionários de uma mesma empresa.

Derivativos

São contratos que derivam de outros ativos, taxa de referência ou índice, sejam eles físicos (café, ouro…) ou financeiros (ações, taxas de juros). Com finalidades de hedge (proteção), alavancagem, especulação e arbitragem. Existem vários tipos de derivativos:

   > Mercado a Termo: é um compromisso firmado entre duas partes, sendo um vendedor e um comprador de contratos padrões para liquidação física e financeira em uma data futura.

   > Mercado Futuro: semelhantes ao mercado a termo, porém mais evoluído. As partes se comprometem a comprar ou vender certa quantidade de um ativo, por um preço estipulado para liquidação em data futura, possibilitando também o investidor de vender o contrato antes do vencimento e tornando esse mercado mais líquido.

   > Mercado de Opções: o investidor compra o direito, porém não a obrigação, de compra ou de venda de um ativo financeiro, com preço e prazos de exercício determinados, ou seja, ao comprar uma opção de compra, o investidor tem o direito, mas não a obrigação de comprar um ativo, enquanto o lançador é obrigado a concluir a transação de compra ou venda.

É um tipo de aplicação financeira que reúne recursos de um conjunto de investidores (cotistas) com o objetivo de obter lucro com a compra e venda de títulos e valores mobiliários, de cotas de outros fundos ou de bens imobiliários, no Brasil e exterior.

FUNDO DE INVESTIMENTO

Renda fixa

São fundos que na composição da sua carteira investem em ativos de títulos de renda fixa (emissões bancárias, debêntures, títulos públicos, entre outros).

Multimercado

São fundos que mesclam aplicações de diversos mercados como, renda fixa, ações, câmbio e outros.

Ações

Principal fator é investir no mercado de ações. Indicado para investimentos de longo prazo e para investidores que suportam uma maior exposição aos riscos em troca de rentabilidade elevada.

Fundos Imobiliários - FII

É uma comunhão de recursos destinados à aplicação em ativos relacionados ao mercado imobiliário. Na maior parte dos FII’s o investimento se resume a comprar um imóvel para receber a renda de aluguel e se aproveitar da valorização. São negociados na Bolsa de Valores e tem a vantagem de ser um ativo liquido.

Economista com 17 anos de experiência no mercado financeiro nos bancos Itaú, HSBC e Safra, Atuando em áreas como, alta renda, assertiva, wealth management, private banking. MBA finanças. MBA em Finanças pela FIA-USP, profissional certificado CFP®.

OFERTA PÚBLICA

Oferta pública de distribuição, primária ou secundária, é o processo de colocação, junto ao público, de um certo número de títulos e valores mobiliários para venda. Envolve desde o levantamento das intenções do mercado em relação aos valores mobiliários ofertados até a efetiva colocação junto ao público, incluindo a divulgação de informações, o período de subscrição, entre outras etapas.

PREVIDÊNCIA PRIVADA

Previdência privada é uma opção de investimento que tem como principais objetivos o

planejamento familiar, aposentadoria complementar, planejamento tributário e sucessão

patrimonial sem burocracias, buscando retornos mais atrativos no longo prazo, além de

oferecer diversas opções de perfis de investidor.

 

Planos VGBL e PGBL que contam com as melhores gestoras do mercado.

Letra de Crédito/Câmbio - LC

Títulos emitidos por financeiras, igual ao CDB, porém para finalidade de captar recursos em prol de financiar suas atividades.

Letra de Crédito do Agronegócio - LCA

Títulos de crédito emitidos por instituições financeiras públicas ou privadas (bancos) com o objetivo de obter recursos para financiar o setor agrícola. O investidor empresta dinheiro ao agronegócio em troca de uma rentabilidade. Ativo isento de Imposto de Renda para pessoa física. 

Letra de Crédito Imobiliário - LCI

Títulos de crédito emitidos por instituições financeiras públicas ou privadas (bancos) com o objetivo de obter recursos para financiar o setor imobiliário. O investidor empresta dinheiro ao setor em troca de uma rentabilidade. Ativo isento de Imposto de Renda para pessoa física.